Obs: Meninas do Anima: deixei o Pimenta em casa porque não coube na mala!! Trouxe a foto dele na minha máquina, ok?

A viagem de São Paulo até Hefei foi bem cansativa, foram quase 30 horas de viagem!!
O trajeto que fiz foi: São Paulo – Madri – Pequim – Hefei

– São Paulo até Madri:

Despedir eh sempre triste, principalmente quando temos que despedir da familia. Os olhares de despedida são diferentes, eles olham no fundo do nosso olho.
Apesar de ficar triste por dizer tchau a muitas pessoas, eu estava feliz o tempo todo, contente por fazer algo que queria e quando me vi totalmente sozinha e dependendo de mim mesma, sorri. Me senti bem, segura, feliz e estranhamente calma.

Não esperei que o avião fosse muito confortável, mas não imaginava que as poltronas seriam tão perto uma das outras e além disso acho que as poltronas do ônibus da Nacional Expresso (leito) reclinam mais do que as poltronas da classe econômica da AirChina. Sério!
Mas pelo menos tinha aquelas televisões individuais com filmes e músicas pra passar o tempo. A parte ruim: a maioria dos filmes e músicas eram em chinês! Achei um filme em inglês e assisti: My Blueberry Nights.

Nesse trecho da viagem chorei algumas vezes. Chorei de medo do novo e desconhecido. Chorei de saudade das pessoas que eu conheço a minha vida toda e das pessoas que conheci há poucos dias, porque todas me conhecem um pouco e aqui no avião e na China, ninguem me conhece! Isso é meio assustador…

Tinha pessoas de várias nacionalidades dentro do avião. Minha poltrona era no corredor, e do meu lado tinha um chinês chamado Jonhy (nome em inglês – muitos chineses inventam um nome em inglês pra facilitar a vida dos ocidentais). Ele eh casado faz um ano com uma chinesa de Pequim, mora no Brasil fazem 3 anos, mas fala “bem pouquinho” português. Uma figura!

– Madri até Pequim:

Em Madri descemos do avião e esperamos 2 horas pra embarcar de novo. Algumas pessoas ficaram em Madri, outras embarcaram ali, e por isso o avião ficou cheio de espanhóis.

Eu no aeroporto de Madri

Na sala de embarque conheci Janice, um amor de pessoa, brasileira que trabalha na China fazem 8 anos como tradutora de uma empresa em Pequim. Ela me ajudou bastante e me deu seus contatos caso eu precise de alguma coisa.

Janice

Em cada trecho da viagem tive duas refeições: café-da-manhã e almoço, mas se não fosse o horário de cada uma e o bolo do café da manhã, as duas refeições seriam iguais. Comi macarrão no café-da-manhã! Que tristeza! Mas tirando esse pequeno detalhe, a comida era boa (considerando que era comida de avião, claro!).

Vou me acostumando aos poucos em não entender nada do que os chineses falam… as vezes começo a rir sozinha escutando eles, é engraçado!

– Pequim até Hefei:

Desembarquei em Pequim e com a ajuda de Jonny passei na imigração (tive que preencher uns papéis) e com a ajuda da Janice peguei minhas malas e fiz um novo check-in para Hefei.

Ouvi dizer que o aeroporto de Pequim é o maior do mundo, mas nao chequei a informação. Sé sei que o aeroporto é realmente muito grande, e pra pegar as malas temos que pegar um trem (parecido com um metrô) dentro do aeroporto. Achei o máximo! A parte ruim de ser um aeroporto grande é ter que caminhar bastante pra chegar em qualquer lugar.

Aeroporto de Pequim

Na fila pra entrar no avião só tinha chineses, a maioria eram homens, todo mundo falando mandarim e me olhando com cara de “Quem é essa doida ai?”

Tivemos que sair do aeroporto pra entrar no avião, tava ventando e fazendo muito frio! Eu não sabia que estaria assim e por não pegar meu casaco na mala de mão, quase congelei! Depois fiquei sabendo que teve uma tempestade de areia em Pequim… será que eu estava no meio da tempestade?? Não sei!

Depois de mais uma refeição-de-avião, desembarquei em Hefei e uma das meninas da empresa estava me esperando com um buque de flores! Aii que bonitinho!

Flores da chegada

Outra pessoa que trabalha na empresa também foi me buscar no aeroporto, com o carro do amigo do chefe. Os outros chineses que trabalham na mesma empresa que eu, estavam na casa que eu estou morando fazendo o almoço!

Almoço na chegada em Hefei

Quanta atenção! Que recepção boa!